Você sabe o que é gengivite?


 

 

Também chamada de Periodontite, a gengivite é uma inflamação na gengiva. Tudo no corpo humano corre o risco de sofrer a ação de bactérias e inflamar. Com a gengiva não poderia ser diferente. Assim como qualquer inflamação, a dor também acompanha quem sofre desse mal.

 

 

Causas:

As causas da gengivite podem ser as mais variadas possíveis:

-Fumo

-Pré disposição genética

-Má escovação

-Alterações hormonais

-Diabetes

-Sistema imunológico baixo

-Gravidez.

 

Sintomas:

A gengivite, ocorre em três estágios. O primeiro é o principal sintoma, indicando que você deve ir urgente à um odontologista. O sangramento na hora da escovação, indica o primeiro estágio da gengivite e também o mais fácil de tratar. Também pode ocorrer a retratação da gengiva, que dá aparência de que o dente é maior

 

Já no segundo estágio, além de sangramento, podem aparecer pequenas bolsas de dejetos da placa bacteriana. Além disso, nesse estágio os ossos e fibras de sustentação dentárias são, irreversivelmente danificados.

 

O terceiro estágio, é onde ocorre a destruição dos ossos e fibras de sustentação. Os dentes então, migram de lugar, se abalam, começam a ficar moles, e afetam sua mordida. A gengivite é a pior doença bucal, pois seu dente pode cair sem ter nenhuma cárie, ou pior ainda. O dentista, pode ter que arrancá-lo, para não agravar ainda mais a situação.

 

 

Tratamento:

 

O dentista irá fazer uma limpeza com aparelhos de ultrasom, aplicações de flúor e jateamento de bicarbonato de sódio.

Embora existam algumas receitas e chás na internet como, escovar com bicarbonato de sódio, gargarejo com cravo, menta, água oxigenada, aloe e vera, entre outros, o melhor tratamento caseiro ainda é escovar os dentes pelo menos três vezes ao dia, e usar o fio dental sempre.

Essas receitas podem funcionar, mas é sempre bom e recomendado ir à um dentista regularmente, pois cada pessoa reage de um jeito, e o dentista é que vai lhe passar um tratamento mais adequado ao seu caso e se precisar, até mesmo receitar medicamentos mais fortes, como pomadas e enxaguatórios específicos.